terça-feira, 29 de novembro de 2011

Quais são os efeitos colaterais da radioterapia no tratamento do cancro de mama?



Para muitas mulheres, mais do que a ideia do cancro em si, é a ideia dos tratamentos que pode causar ansiedade e preocupação.

Os efeitos colaterais da radioterapia, da quimioterapia e as consequências da cirurgia são coisas que podem preocupar uma mulher mais do que a doença real.

O protocolo de tratamento para o cancro de mama é decidido com base no estágio, o avanço e o tipo de invasão. Em caso de dúvida sobre o tipo e o grau de tratamento delineado pelo oncologista ou médico, é conveniente obter sempre uma segunda opinião.

As mulheres que se preocupam com os possíveis efeitos colaterais do tratamento de radioterapia do cancro de mama devem primeiro entender por que a radioterapia é necessária e como ela pode ajudar.

A radioterapia do cancro de mama



Quando o tumor na mama é bem definido e fácil de diferenciar, a cirurgia por meio de excisão pode ser o melhor tratamento. Tumorectomia (onde a mama é conservada o máximo que for possível), mastectomia ou dissecção de linfonodos são alguns dos tipos de cirurgia que pode ser necessária.

Após a cirurgia, algumas das células cancerosas podem ainda permanecer, pelo que a terapia de radiação deverá ser usada. A terapia de radiação é relativamente segura e eficaz e pode ter alguns efeitos de radiação que a doente terá de enfrentar.

O importante é que a radiação pode ser 70% eficaz na prevenção do retorno do cancro de mama.

O cancro de mama: efeitos colaterais da radiação



Os efeitos colaterais da radiação podem ser lentos a aparecer e podem manifestar-se gradualmente ao longo do tempo após o tratamento.

Após a cirurgia, pode haver desconforto ou dormência na região da axila que pode ficar ferida e irritada devido à radiação. E uma vez que a pele na região da axila está sujeira a fricção, isso pode agravar o problema.

Como enfrentar os efeitos colaterais da radiação do cancro de mama

Para minorar o desconforto na zona da axila não deve usar desodorizantes e antitranspirantes.
Em vez disso pode usar amido de milho (farinha Maisena é o ideal). Use roupas largas, evite tomar duche ou banho com água quente e pode aplicar aloé vera gel ou medicamentos prescritos para aliviar o ardor na pele.

Muitas terapias alternativas, como o yoga, o tai chi, a acupunctura e a massagem podem ajudar a lidar com alguns dos efeitos colaterais como a fadiga por radiação e outros.
O exercício regular pode também ajudar a combater os efeitos colaterais. Para evitar a infecção, enquanto o sistema imunológico estiver comprometido certifique-se de evitar grandes aglomerações, lave frequentemente as mãos e evite cortes, arranhões e outros ferimentos expostos.
Mantenha também uma alimentação saudável para ajudar a aumentar a imunidade.

Se sentir como efeitos secundários no tratamento de radioterapia ao cancro de mama, tais como, dificuldade de respiração rápida ou batimentos cardíacos irregulares consulte imediatamente o seu médico.

Arquivado em:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Siga-nos no Facebook